Programa da Paróquia

sexta-feira, 1 de dezembro de 2017

Festa das Bem Aventuranças e partilha do Dia Mundial dos Pobres

Grupo da Calvaria
Os grupos do 7º ano da catequese da paróquia da Calvaria celebraram a Festa das Bem-Aventuranças no passado fim-de-semana, 25 e 26 de novembro, Solenidade de Cristo Rei, na conclusão da proposta para a vivência do Dia Mundial dos Pobres.

O Evangelho desse dia apresentava Jesus como o pastor que separa as avelhas dos cabritos a partir do amor levado à prática: os que têm em atenção aos outros, sobretudo os mais necessitados, aos que têm fome ou sede, aos que necessitam de roupa para se vestir ou de acolhimento para dormir, aos que estão doentes ou prisioneiros, são os que acolhem o Reino e são "benditos", são os que amam que são felizes e bem-aventurados.

Grupo de São Jorge
Foi nesse contexto que os grupos apresentaram então a proposta de uma vida feliz, nas bem-aventuranças de Jesus. Quando o mundo nos apresenta, tantas vezes, outros projetos, é importante não perder o sentido de uma vida que sabe viver com valor e com valores: é essa descoberta que o 7º ano irá fazer ao longo deste ano.

Partilha Dia Mundial dos Pobres
No Dia Mundial dos Pobres, celebrado no domingo anterior, dia 19 de novembro, foi lançada uma campanha de recolha de alimentos não perecíveis, artigos de higiene e artigos de bebé, que foram recolhidos também nestes dias para entregar à Conferência São Vicente de Paulo da paróquia da Calvaria que os irá distribuir pelas famílias mais carenciadas. Foi grande a generosidade das famílias que deram o seu contributo que se expressou num ofertório que encheu vários cestos de ofertas além da partilha monetária que também foi entregue, nesse dia, à Conferência São Vicente de Paulo.

Na oração que partilharam com a comunidade, os grupos do 7º ano expressaram a convicção de que "muitos dos problemas das pessoas nascem do facto de estarem perdidas, sem orientação e sentido para a vida..." Por isso, manifestaram a vontade de "projetar a vida", acolhendo de Jesus "as verdades sobre as quais devemos viver para ajudar a construir um mundo em que todos tenham dignidade e justiça, amor e serenidade... em que todos sejam bem-aventurados!", confiando-se a Jesus para poderem fazer este caminho.

Sem comentários:

Publicar um comentário